Serviços de inspeção municipal podem ter legislação única nos Campos de Cima da Serra

24/03/2015

Há anos a Emater/RS-Ascar e a Epagri/SC desenvolvem o Programa de Qualificação e Certificação do Queijo Artesanal Serrano, em parceria com outras entidades. Uma das ações é a criação dos Serviços de Inspeção Municipal (SIM). No entanto, cada município estabeleceu a sua legislação, e essa diferença de regras estava ocasionando problemas.  

Em razão disso, a Emater/RS-Ascar reuniu os veterinários dos serviços de inspeção municipal (SIM) e, juntos, elaboraram um regulamento único, que vai ser entregue aos 11 municípios produtores de queijo serrano e integrantes da Associação dos Municípios dos Campos de Cima da Serra (Amucser), para que possa ser avaliado e tramitar nas Câmaras de Vereadores para aprovação e funcionamento.

De acordo com o supervisor da Emater/RS-Ascar, João da Luz, o objetivo foi fazer uma lei mais enxuta e que permita que os serviços de inspeção municipal funcionem de maneira organizada e passem a fazer uma inspeção qualificada. Isso também vai possibilitar que os SIM que dispõe da estrutura exigida possam solicitar a equivalência ao Estado ou Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Susaf ou Sisbi), que irá auditar o serviço e treinar o veterinário, de forma que ele possa inspecionar com equivalência e os produtores possam comercializar seus produtos fora do município.

 

Texto: Rejane Paludo/Emater/RS-Ascar - Regional de Caxias do Sul
Edição: Redação Palácio Piratini/Coordenação de Comunicação

Foto: Rejane Paludo

 

  

 

 

Todos os direitos reservados à CODESUL.

Santa Catarina

http://www.sc.gov.br

Paraná- Foto: Joel Rocha

http://www.pr.gov.br

Mato Grosso do Sul- Foto: Chico Ribeiro

http://www.ms.gov.br

Rio Grande do Sul- Foto: Arquivo RS

http://www.rs.gov.br